Search
Close this search box.

Câmara de Mossoró de volta a 21 vagas?

Avança o Censo Demográfico 2022 e, com ele, o receio de Mossoró ficar abaixo de 300 mil habitantes. Caso se confirme, a Câmara Municipal perderia duas cadeiras e, na próxima legislatura, voltaria a ter 21 vereadores e vereadoras.

Porque foi justamente o total de 300.618 habitantes, em estimativa oficial do IBGE de 2020, que deu a Mossoró o direito a 23 parlamentares. Mas a palavra final será do Censo, que já coletou dados em 84% dos setores censitários da cidade.

Com efeito, é real a preocupação de Mossoró não bater os 300 mil habitantes. O próprio IBGE identifica o sentimento. “De fato, percebemos essa aflição”, revela o coordenador de Área do Censo Demográfico 2022, Hidelbrando Mota.

Ele, porém, é cauteloso. “Somente o término da coleta e o futuro tratamento estatístico poderão fornecer um número preciso”. Em Mossoró, a coleta deve ser concluída na primeira quinzena de dezembro. Já o cálculo final ainda está sem data.


 

Decisivos

Para o resultado, será fundamental a análise dos domicílios não coletados (residências com moradores ausentes e recusas). “Friso que o compromisso do IBGE é o de tratar a realidade local, seja acima ou abaixo dos 300 mil”, acrescenta Hidelbrando Mota.

Balanço

Até as 14h30 de hoje (30), o IBGE visitou em Mossoró 138.409 unidades, das quais 120.148 domicílios e, desses, 90.989 domicílios permanentemente ocupados. Dos 428 setores censitários de Mossoró, 65 ainda estão em andamento.


 

Entre aspas

‘Foi uma vitória de Mossoró. Orçamento aprovado, ainda em novembro. Agradeço e parabenizo os colegas pelo espírito público’. Lawrence Amorim, presidente da Câmara Municipal, sobre a aprovação, hoje, do Orçamento do Município para 2023.


 

Rápidas

» Ao todo, são 242 emendas aprovadas à Lei Orçamentária de Mossoró. Dessas, 236 impositivas. Isto é, de execução obrigatória pela Prefeitura.

» O feriado do Dia da Consciência Negra na cidade de São Paulo é constitucional, decidiu o STF, em julgamento concluído nesta quarta-feira.

» A Prefeitura de Mossoró lançará o projeto Estação Natal, amanhã, às 17h, na Estação das Artes Eliseu Ventania, com a decoração natalina da cidade.

» Hoje, para 556.685 contribuintes, a Receita Federal paga o lote residual de restituição do Imposto de Renda da Pessoa Física (IRPF) de novembro de 2022.


 

Protesto noturno

A parada de advertência dos professores da Uern, no Campus Central, entrou pela noite de hoje. Os docentes reivindicam reajuste salarial de 15%. “Nossa mensagem foi clara e bem recebida. Praticamente ninguém veio ao Campus Central, a adesão à parada é quase total”, postou no Instagram a Associação dos Docentes da Universidade (foto: Aduern).


 

Derrubada

Por unanimidade, o Supremo Tribunal Federal (STF) decidiu ser inconstitucional a lei do RN que impedia apreensão e retenção de motos, por falta de pagamento de IPVA. Edição da norma, segundo a Corte, é privativa da União.

Pente fino

Na mira do TCU o auxílio do Governo Federal a taxistas e a caminhoneiros autônomos. O Tribunal de Contas da União determinou, hoje, a revisão de pagamentos com indícios de irregularidades, que podem chegar a R$ 3,76 milhões.

Tartaruga

Por falar no TCU, o Tribunal mapeou no Rio Grande do Norte 304 obras públicas paralisadas e inacabadas, com recursos federais. Juntas, somam R$ 929 milhões. A maior parte (125 obras) relacionada à educação. Triste.

Nova direção

A Fiern, Federação das Indústrias do Estado, tem novo presidente: Roberto Serquiz, eleito hoje, em chapa única, para mandato de cinco anos (2023/2027). O empresário de Mossoró Vilmar Pereira foi escolhido 1º vice-presidente.

 

©RC

Compartilhe