Search
Close this search box.
Sanção presidencial

Fundo Eleitoral é mantido em R$ 4,9 bilhões

Foto: Agência Brasil

Apesar de ter vetado R$ 5,6 bilhões em emendas parlamentares, ao sancionar ontem (22) o Orçamento da União de 2024, o presidente Lula manteve os R$ 4,9 bilhões definidos pelos parlamentares para o Fundo Especial de Financiamento de Campanhas Eleitorais.

Trata-se do chamado Fundão Eleitoral, que em 2024 será utilizado nas eleições municipais. O valor é o mesmo usado em 2022 nas eleições nacionais.

Porém, representa mais do que o dobro das últimas eleições municipais, em 2020, de R$ 2 bilhões.

O valor reservado inicialmente pelo governo, na proposta orçamentária, era de R$ 939,3 milhões. Porém, deputados federais e senadores ampliaram esse total para os R$ 4,9 bilhões, agora definidos em lei.

Isto é, se por um lado o Governo impôs dissabor ao Congresso ao vetar R$ 5,6 bilhões das emendas, por outro evitou comprar outra briga em relação ao Fundão Eleitoral.

Compartilhe